Neste verão proteja-se das 4 ameaças para os ouvidos

Neste verão proteja-se das 4 ameaças para os ouvidos

A Cada ano ocorre o mesmo e este ano não é diferente dos outros. Por isso eu quis fazer este post dedicado aos problemas de otite típicos desta época do ano. Não há dia em que não haja alguém para a farmácia com dor de ouvido ou algum problema de ouvidos e de fato, de acordo com um estudo recente, levado a cabo por GAES (de certeza que vos parece do anúncio de tv), de cada 3 espanhóis, um sofre de otite nesta época do ano (e se adicionarmos os estrangeiros que vêm para a veranear em nossas costas as estatísticas sobem).

Não é de admirar, pois, que começa a fazer calor o que ela quer da gente é furar um mergulho e se refrescar. O problema é que não são tomadas as medidas de prevenção adequadas e então aparecem as dores de ouvidos, e a sensação de ter água no ouvido e não ouvir bem o que acontece ao nosso redor, nem o que dizem os nossos colegas…com Certeza que haveis sofrido alguma otite em algum momento de sua vida, não é verdade?.

Pois bem, vendo que se trata de algo muuuito comum e que ano após ano continua dando mais dor de cabeça, eu decidi fazer este artigo para que saibais as causas que o provocam e o que podemos fazer para que não nos afete.

1. No número 1 encabeçando a lista de otite são as refrescantes e divertidas piscinas ou praias.

Mergulho, otite, ouvido

Ao menos na zona onde temos a farmácia são as “rainhas” de otite. Não digo que não nos coloque a água, nem muito menos!, mas o que deveríamos pegar o costume é que, ao sair, ela tem que secar bem os ouvidos com a ajuda da toalha, para que não fique água ou umidade.

É aconselhável evitar o excesso de cera no ouvido. Deixo-vos este artigo de interesse o Que é a cera do ouvido?,e acima de tudo, você tem que removê-lo ou não?.

Também seria bom usar tampões para a água cada vez que queiramos zambullirnos embora não seja do agrado de muitos…

2. Na segunda posição estão os problemas relacionados com as alturas (dos aviões). Acho que pelo fato de estar em uma zona turística com mudanças de turistas (a cada semana ou a cada duas semanas, chega gente nova e se vão os outros)…

Aeroitis, avião, ouvido, nivelamento

Quando tomamos um avião subiu a tanta altura que a pressão atmosférica da terra e do ar muda, e isso afeta os ouvidos, mas poucos o percebem mais que os outros. É conhecido como aeroitis e não notamos igual, porque se trata de uma regulação de nosso corpo igualando a pressão do ouvido médio e o ambiente, mas que se torna mais lento, causa essa sensação. Por isso, quando um avião vai decolar ou pousar há muitas pessoas que notam um desconforto nos ouvidos. Você pode até mesmo experimentar uma sensação de surdez, que pode durar vários segundos.

O que há que fazer nestes casos? O ideal é mastigar um chiclete ou comer um doce em momentos-chave, ou seja, quando despeguemos e quando aterrissagem. O importante é fazer um movimento com a mandíbula ao abrir a e fechando-a. Isso fará com que as trompas de Eustáquio se abram e se possam regular as pressões mais rapidamente. O simples, não?Mas também é útil respirar muito fundo, enquanto nos ocultamos o nariz (mas sem prender a respiração porque produciríamos o efeito contrário nem se deve fazer se houver sinusite, pois pode provocar uma infecção de ouvido) ou bocejar, embora o bocejo é mais complicado de provocá-lo, querendo… Estes métodos fazem com que o ar passe pelas trompas de Eustáquio destaponando os ouvidos.

A terceira e a quarta posição é para outras formas que temos de nos refrescar de frente para o calor…

3. O uso de condicionadores de ar também não é bom para os ouvidos. O problema é que o ambiente se seca e isso nos afeta negativamente. Pode-Se resolver usando umidificadores.

Ar condicionado otite ouvidos

4. Não hidratar o suficiente. Sempre insisto na importância de beber e beber (água, claro está) e comer alimentos que nos fornecem hidratação.

Beber água ouvido, otite

Mas há muita gente que segue sem se hidratar, como é devido e em épocas de maior calor se traduz em problemas como vertigens, tonturas, perceber sons ou choque (o que é conhecido como zumbido)… Tudo isso acontece porque o calor faz com que o volume de sangue diminui e, com isso, diminuir a pressão arterial. Então já sabe, beber pelo menos 8 copos de água por dia, divididos em várias tomadas.

Eu também recomendo que você leia Por que nos picam os ouvidos e como podemos evitá-lo?, outra das consultas típicas em farmácias relacionada com os ouvidos.

Comenta no Facebook

Compartilhe isso:

Eu gosto de:

Me gustaCargando…

Leave a Reply